Home Notícias Nanotecnologia avança, mas possíveis impactos na saúde preocupam especialistas
0

Nanotecnologia avança, mas possíveis impactos na saúde preocupam especialistas

0
0

A nanotecnologia está sempre surpreendendo com a descoberta de novas e maravilhosas possibilidades em todas as áreas do conhecimento humano, desde a criação de produtos fantásticos para facilitar o dia a dia, como tecidos com repelência a insetos, bactérias e umidade; secadores de cabelos muito mais higiênicos; creme dental que reconstitui o esmalte, aumentando a proteção do dente, até avanços sem precedentes na medicina. A nanotecnologia já é utilizada, por exemplo, para levar medicamentos a células cancerígenas, impedindo que as saudáveis sejam atingidas. Recentemente, cientistas brasileiros criaram nanopartículas que podem inativar o HIV.

Na opinião da pesquisadora da Fundacentro, Arline Arcuri, coordenadora do projeto de pesquisa da entidade sobre nanotecnologia, o conhecimento dos possíveis impactos dessa nova tecnologia na saúde humana e meio ambiente não acompanham a velocidade das inovações, também por falta de recursos financeiros para essa finalidade.“ Nos Estados Unidos, por exemplo, importantes instituições de pesquisas preocupadas com essas questões recebem apenas 6% do montante que o país investe em inovações na área da nano”, explica a especialista.

As possibilidades e desafios do uso da nanotecnologia na medicina, a dificuldade de identificar os efeitos da exposição às nanopartículas na saúde dos trabalhadores , a exemplo do setor químico, e o assombro da comunidade científica diante de uma realidade tão imprevisível, são aspectos abordados pela pesquisadora na edição desta semana do Podprevenir, programete de rádio na web sobre segurança e saúde no trabalho. Disponível também na versão mobile, o podcast pode ser acessado pelo endereço www.podprevenir.com.br

No canal de vídeos do site, o destaque da semana é o documentário Linha de Desmontagem – Pausa para o Humano, de André Constantin e Daniel Herrera. O audiovisual mostra os benefícios da implementação das pausas durante a jornada de trabalho em frigoríficos avícolas, conquistadas por meio de uma parceria entre órgãos do governo e o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação de Caxias do Sul (RS).

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *