Brasil ocupa segunda posição em ranking que mede a sensação de mal-estar entre 38 países

0

Fatores como alta taxa de desemprego e inflação crescente são usados em ranking da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) para medir a sensação de mal-estar entre 38 países. Em 2º lugar, o Brasil só perde para a Turquia. De acordo com o estudo compilado pelo Instituto Brasileiro de Economia da FGV (Ibre-FGV), o país tem 19,83% de desconforto socioeconômico, contra 26,28% da nação turca.

A lista de países avaliada relaciona membros da OCDE, que engloba economias avançadas e o Brasil; e quanto maior o índice de desconforto apresentado, pior é a taxa. Em terceiro lugar no ranking está a Espanha (16,09%), seguida por Colômbia (15,63%), Grécia (14,08%) e Chile (13,42%).

Em entrevista à CNN Rádio, o pesquisador Daniel Duque, responsável pelo estudo, ressaltou que a tendência para os próximos meses é de piora. “No caso do Brasil, veremos pioras nos próximos meses nos dois quesitos, o mercado prevê altas na inflação e no caso do desemprego, veremos piora bastante elevada”.

Deixe uma Resposta

Seu comentário aguarda moderação.

VOCÊ GANHOU UM CUPOM DE DESCONTO!

Utilize o CUPOM CIPA10 e tenha 10% de Desconto na Assinatura de qualquer Plano da Revista Cipa & Incêndio.

USAR MEU CUPOM CIPA10
* Promoção válida para pedidos realizados até o dia 30.09.2021. Essa promoção não é válida para quem já é assinante da revista e não é cumulativa com outras promoções.
close-link