Home Produtos e serviços Kinross é classificada na categoria Ouro em prêmio de SST
0

Kinross é classificada na categoria Ouro em prêmio de SST

0
0
Claudinei Alves, gerente de Saúde e Segurança da Kinross (foto: Divulgação)

A ABS (Agência Brasil de Segurança), entidade responsável por coordenar e divulgar estudos técnicos e científicos relacionados a corporações, contemplou a Kinross com o Prêmio ABS TOP em Gestão de SST (Segurança e Saúde no Trabalho) na categoria Ouro. A premiação busca o reconhecimento de companhias comprometidas em adotar de maneira ampla e contínua sistemas de prevenção que proporcionem a conquista de melhores resultados e promoção de melhorias na gestão de saúde e segurança no ambiente de trabalho.

Durante dois dias, a empresa recebeu a visita de avaliadores da ABS que, com base nas diretrizes da OIT (Organização Internacional do Trabalho) e Fundacentro, avaliaram os seguintes fundamentos: gerenciamento de riscos, conformidade com a legislação, compromisso e participação, gestão com base em fatos e dados, foco em resultados e melhoria contínua. Ao todo, a Kinross alcançou a marca de 870, em um ranking de 1000 pontos.

De acordo com Claudinei Alves, gerente de Saúde e Segurança da Kinross, foram destacados pontos fortes como o alinhamento de empregados e contratadas com as políticas e procedimentos de SST, a organização e acessibilidade do SGI (Sistema de Gestão Integrada), o tratamento de desvios, a investigação dos incidentes e o gerenciamento de contratadas. “Parabéns a todos por mais este resultado positivo. Sabemos que o comprometimento e o esforço de todos são essenciais para conquistarmos esse prêmio”, reforça Claudinei.

Kinross
Responsável por 25% da produção de ouro brasileira, a Kinross opera a mina Morro do Ouro em Paracatu, no noroeste de Minas Gerais, e integra a Kinross Gold Corporation, grupo canadense com presença na América do Sul (Brasil e Chile), América do Norte (Estados Unidos e Canadá), África (Gana e Mauritânia) e Eurásia (Rússia).

Após o início de seu processo de expansão em 2006, a Kinross elevou a capacidade de lavra de minério para 61 Mtpa, aumentando em cerca de três vezes sua produção anual atingindo atualmente 17 toneladas. A unidade tem vida útil estimada até 2030 e é um importante empreendimento industrial da região, respondendo por 15% dos postos de trabalho formais do município. São cerca de 1.390 empregos diretos e de 1.900 terceirizados.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *