Home Notícias MPT de Pernambuco emite alerta sobre saúde física e mental de trabalhadores
0

MPT de Pernambuco emite alerta sobre saúde física e mental de trabalhadores

0
0

Durante o mês de abril, o Ministério Público do Trabalho de Pernambuco (MPT) vai realizar várias ações de melhoria das condições de saúde e segurança do trabalhador. A programação acontece em alusão ao mês da segurança do trabalhador: o abril verde.

A programação conta com exposições fotográficas, palestras e ações de divulgação e informação voltadas para setores econômicos e sociais que estão ligados à segurança, saúde e medicina no trabalho.

“Em Pernambuco há uma média de uma morte a cada cinco dias (de 2012 à 2017). Então, a prevenção é mais eficaz e custa menos do que a fiscalização, a repreensão e ter que cuidar desse funcionário afastado”, destaca Gabriela Maciel, procuradora do MPT.

De acordo com os dados do MPT, em 2017, Pernambuco registrou 4.776 casos de acidentes de trabalho. Desses, 1.770 foram referentes a casos foram cortes, laceração, ferita contusa ou punctura. Em segundo lugar ficou a fratura, como consequência de 1.626 acidentes.

Já os casos de contusão e esmagamento apareceram em 1.295 acidentes. A lesão menos cumum foi a amputação ou enucleação, com apenas 85 casos.

Equipamentos de segurança

A empresa é obrigada a fornecer gratuitamente todos os itens de segurança necessários para que o funcionário execute suas tarefas diárias. Por outro lado, é de obrigação do funcionário zelar pelos equipamentos. “A guarda e a conservação é obrigação do trabalhador”, ressalta Roberta Acácia, coordenadora de prevenção de acidente do Sindicato da Industria da Construção Civil (Sinduscon).

Saúde mental

De acordo com a procuradora Gabriela Maciel, um terço dos afastamentos do trabalho são causados por transtornos mentais. “Também há uma subnotificação. Apesar de alarmante, o número ainda não corresponde à realidade. Alguns casos não são notificados. Além disso, é difícil fazer o nexo causal, a ligação do transtorno com o ambiente de trabalho”, destaca Gabriela Maciel.

A procuradora afirma, ainda, que entre todos os tipos de transtornos mentais, os mais comuns são episódios depressivos, transtornos de ansiedade e depressão recorrente, que juntos, somam 60% dos casos.

Fonte: G1 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *