Com auxílio da tecnologia, empresas investem em gestão de saúde preventiva para seus colaboradores

0

As condições inadequadas no ambiente de trabalho são hoje responsáveis por entre 5% e 7% do total de mortes no mundo, de acordo com a Organização Internacional do Trabalho (OIT). E, mesmo sem consequências fatais, os acidentes ocupacionais e doenças relacionadas ao desempenho de suas funções impactam os indivíduos e suas famílias, que sofrem com as consequências emocionais e econômicas.

Para evitar ocorrências como essas, é preciso que as empresas invistam na segurança do trabalho e cumpram as Normas Regulamentadoras. As novas tendências de administração apontam, ainda, para a importância da gestão de saúde voltada à prevenção nas companhias.

O primeiro passo para a implementação desses cuidados é conhecer seus colaboradores. Não apenas saber o nome e o CPF, mas sim seus dados de saúde, como histórico hospitalar, doenças pré-existentes e dados do dia a dia, incluindo peso, altura, pressão arterial, batimentos cardíacos, IMC e IGC.

Coletar todos esses dados pode tomar tempo, mas há hoje tecnologias que auxiliam os negócios a monitorar e acompanhar a saúde de seus funcionários. Desenvolvida pelas empresas Keito e Teleworld, a Plataforma Safety permite obter os dados de saúde dos colaboradores em tempo real e pode ser combinada com as ferramentas de controle de acesso e gestão de recursos humanos.

O funcionamento da plataforma é autônomo; o trabalhador realiza seu autoatendimento. A identificação é feita por meio de seu crachá, impressão digital ou reconhecimento facial. A partir daí, a plataforma utiliza as ferramentas de big data para tratar, analisar e obter informações a partir desse conjunto de dados.

As informações ainda podem ser enviadas aos profissionais de segurança ou ao médico do trabalho através de notificações via sistema, e-mail, SMS ou diretamente no aplicativo mobile.

O investimento em saúde preventiva reduz os custos com tratamento de doenças. Neste caso, cada real investido na prevenção representar o mesmo valor economizado no tratamento de doenças provenientes de acidentes de trabalho. Além disso, a gestão da saúde protege a imagem da empresa e promove a melhoria contínua dos processos operacionais e dos produtos.

A fabricante de alimentos Mondelez é uma das empresas brasileiras que adotaram a Plataforma Safety. “Nosso modelo foi posto à prova e se mostrou muito resiliente, mesmo frente a uma pandemia global. Estamos certos que, cuidar das pessoas faz bem para elas e para o negócio”, diz Jorge Morato, Diretor de HSE Brasil e de Saúde América Latina.

No começo de 2020, a companhia iniciou um modelo de atenção integral à saúde. Hoje já é capaz de oferecer aplicativos que ajudam as pessoas a cuidar da sua saúde física e mental. Em todas unidades, há atendimento de médico da família, fisioterapeutas, psicólogos e assistência social integrados em um modelo único que permite focar em prevenção e com isso um melhor uso dos planos de saúde.

Em tempos de Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), é importante lembrar ainda que a Plataforma Safety segue todos as regras da nova regulamentação.

Deixe uma Resposta

Seu comentário aguarda moderação.

VOCÊ GANHOU UM CUPOM DE DESCONTO!

Utilize o CUPOM CIPA10 e tenha 10% de Desconto na Assinatura de qualquer Plano da Revista Cipa & Incêndio.

USAR MEU CUPOM CIPA10
* Promoção válida para pedidos realizados até o dia 31.05.2021. Essa promoção não é válida para quem já é assinante da revista e não é cumulativa com outras promoções.
close-link